FRONTEIRAS: PSICANÁLISE E A SOCIOLOGIA

FRONTEIRAS: PSICANÁLISE E A SOCIOLOGIA

Sinopse

Este livro pretende analisar a possível relação entre a Psicanálise e a Sociologia. Busca-se apresentar como essas duas propostas podem contribuir com distintas construções teóricas acerca do comportamento do indivíduo em relação aos diversos grupos sociais em que transita a sua vida cotidiana. Mais que uma recusa ou negativa da teoria freudiana pela sua diferente perspectiva em relação à teoria sociológica e a vida social do indivíduo-trabalhador, o que se pretende é entender, por meio das propostas e teorias psicanalíticas que analisam o indivíduo, como este indivíduo imerso na sociedade é visto sob uma perspectiva sociológica.A proposta foi entender como a psicanálise pode ser utilizada no contexto sociológico do trabalho e sociocultural, por meio da desconstrução continua da teoria psicanalítica, frente às mudanças e transformações sociais que demandam a realização de estudos científicos, acadêmicos interpretativos da realidade do trabalho na qual os elementos se conectam entre si.