Vaqueiros e cantadores para jovens

Vaqueiros e cantadores para jovens

Sinopse

No prefácio de Vaqueiros e cantadores, publicado em 1937, o autor comenta sobre o seu trabalho: Reúno neste livro quinze anos de minha vida. Notas, leituras, observações. O material foi colhido diretamente na memória duma infância sertaneja, despreocupada e livre. Os livros, opúsculos, manuscritos, confidências, que mais se passou posteriormente, vieram reforçar, retocando o "instantâneo" que meus olhos meninos haviam fixado outrora. Dezenas de vezes voltei ao sertão de quatro estados e nunca deixei de registrar fatos, versos, "causos". Esta coletânea pretende tornar acessível ao jovem leitor a imensa riqueza da obra de Luís da Câmara Cascudo e consequentemente a riqueza cultural do povo brasileiro. Os textos selecionados, distribuídos em três partes – Ciclo do Gado, Ciclo Social e O Cantador e a Cantoria –, privilegiam o poético, o literário e a expressão pessoal do autor.

Autor

Um dos mais respeitados pesquisadores do folclore e da etnografia no Brasil, Luís da Câmara Cascudo viveu quase toda sua vida no Rio Grande do Norte. Lia muito, recebia visitas, escrevia demais. Em suas viagens fazia amigos e ouvia histórias. Trocava muita correspondência. Por ser um homem muito querido, recebia por escrito ou ao pé do ouvido muitas informações sobre causos que embalaram o sono e assustaram gerações e gerações. Professor Cascudo, como historiador que era, também pesquisou os caminhos trilhados pelo homem e seu legado nos deixou as mais preciosas informações sobre a cultura brasileira. Em 1954, lançou a sua obra mais importante como folclorista, o Dicionário do Folclore Brasileiro, obra de referência no mundo inteiro. No campo da etnografia, publicou vários livros importantes como Rede de Dormir, em 1959, e História da Alimentação no Brasil, em 1967. Publicou depois, entre outros, Geografia dos Mitos Brasileiros, com o qual recebeu o prêmio João Ribeiro da Academia Brasileira de Letras. O pesquisador trabalhou até seus últimos anos e foi agraciado com dezenas de honrarias e prêmios. Morreu aos 87 anos.