O Cortiço

O Cortiço

00:00 / 00:00

Sinopse

O cortiço, publicado em 1890, é um marco do Naturalismo no Brasil.
Os personagens principais são moradores de um cortiço no Rio de Janeiro. Excluídos, humildes, e quem não se misturava com a burguesia moravam lá.
Todos possuindo os seus problemas e vícios decorrentes do meio em que vivem.
O autor descreve a sociedade brasileira da época, formada pelos portugueses, burgueses, negros e mulatos, pessoas apaixonadas por dinheiro e poder, que pensam somente em si mesmos, ao mesmo tempo em que presenciam a miséria, ou mesmo a simplicidade dos outros.
O autor descreve a sociedade brasileira da época, formada pelos portugueses, os burgueses, os negros e os mulatos, pessoas querendo mais e mais dinheiro e poder, pensando em si só, ao mesmo tempo em que presenciam a miséria, ou mesmo a simplicidade de outros.
Essa obra de Aluísio Azevedo tem dois elementos importantes: primeiro, o extensivo uso de zoomorfismo; e, segundo, cria um microcosmo (Que é o cortiço do título).